Archives for Fiscalização de Obra

Medição e controlo de fiscalização de obra

Medição de obra: o segredo do orçamento enxuto e assertivo

Já considerou 10 funcionários para executarem algum serviço enquanto na verdade precisaria de 20, ou vice-versa? Acerte a quantidade de material e mão de obra com esse serviço. Entenda como a medição de obra vai ajudar você a enxugar seu orçamento. 

A medição de obras na construção civil requer profissionalismo e muita responsabilidade. A partir dela, fazemos os cálculos orçamentários e quantitativos do projeto, criando um vínculo direto da medição de obras ao planejamento e controlo da obra. Afinal, a ineficácia da medição gera prejuízos para a empresa e interfere na qualidade estrutural do empreendimento.

Ao solicitar a medicação de obras, os cálculos são organizados em listas ou mapas de medições, sob rígidas regras.  Vale lembrar que, as medições são uma das peças dos projetos de construção civil que mais apresentam defeitos em sua elaboração, como erros e omissões. Por isso, torna-se ainda mais necessário investir em empresas e profissionais com expertise de mercado, conhecimento e seriedade

Como as medições de obras são feitas?

Há duas maneiras: pelo projeto ou pela obra.

  1. Pelo projeto: quando o  projetista (arquiteto) fornece as peças desenhadas; 
  2. Pela obra: faz-se por meio da produção realizada pelo empreiteiro (resultado da gestão do diretor de obra).

De maneira geral, o objetivo da medição de obras é verificar a compatibilidade entre o que foi executado e o que está previsto no projeto e nos quantitativos do orçamento. Além de ser uma ferramenta fundamental de controlo, a quantificação permite mensurar os recursos aplicados ao longo do cronograma da obra (como materiais, equipamentos e mão de obra), facilitando pagamentos e desembolsos mensais para a construção do empreendimento.

Segundo o engenheiro civil Leonardo Favaretto, o acompanhamento fica mais fácil quando as medições são divididas e alinhadas às etapas da obra. A ideia é fazer um planejamento mais assertivo e conseguir acompanhar os serviços realizados e os materiais utilizados com precisão. Para a realização regular da medição, sugerimos seguir os seguintes passos e atividades:

  • Requerimento da documentação necessária para o desenvolvimento do serviço;
  • Vistoria mensal das obras e realização de registro fotográfico;
  • Medição física dos serviços executados;
  • Elaboração de relatório mensal, de acordo com as exigências do cliente ou escopo do projeto.

Critérios de medição de obras e serviços

Os critérios de medição variam e são estipulados por normas oficiais ou pela própria construtora/empreiteira responsável pelo projeto. O profissional precisa se ater aos critérios adotados como referência para fazer a medição corretamente. Confira os principais critérios de acordo com diferentes tipos de serviços:

Medição de obra: Estruturas de Betão

Normalmente, são medidas pela planta de fôrmas ou no próprio local da execução. Para facilitar os cálculos, mede-se entre eixos. Mas se a precisão do cálculo for prioritária, deve-se medir de face a face. 

Para chegar ao orçamento, aqui vão alguma dicas:

  • Os carpinteiros costumam ser pagos por empreitada ou por área de fôrma;
  • Os armadores por kg de ferro aplicado;
  • E os profissionais que lançam o betão são remunerados por m³ lançado.

Calcule os materiais e acrescente a mão de obra de cada processo ao valor final.

Medição de obra: Revestimento de pisos e azulejos

Mede-se a área onde o material foi efetivamente aplicado, descontando os vãos (como portas e janelas).

Medição de obra: Alvenaria

Calcula-se a área total e desconta-se a área que exceder a 2m² em cada vão. Por exemplo: em uma parede de 10m², desconta-se 8m². Faz-se essa subtração porque o trabalho que o pedreiro teria para requadrar e arestar um vão de 2m² seria o mesmo para preencher o vão com alvenaria.

Se você ficou com alguma dúvida sobre o assunto, entre em contato com a LAF Management Construction. Vamos adorar entender seu projeto e ajudar você no que preciso for.

Read more

O que ninguém te conta sobre gestão de obra integrada

Entenda o que é a gestão de obra integrada e descubra quais são as vantagens e benefícios desse tipo de serviço.

Cada vez mais, as empresas de construção civil são pressionadas a fazerem mais com menos, e uma ótima alternativa para reduzir custos sem cair a qualidade é unir todos os sistemas através de uma gestão de obra integrada. Afinal, fazendo um planeamento unificado de todas as etapas da obra, os profissionais envolvidos têm mais controlo do projeto. Assim, visualizam de forma ampla o todo e, além de otimizarem a verba e a utilização dos recursos, programam o que realmente será necessário, evitando desperdícios e retrabalhos.

Vale lembrar que há poucos anos, esse serviço de gerenciamento de obras era oferecido pelas próprias construtoras. Mas com o aumento da complexidade dos projetos e com o conflito de interesses entre a empreiteira e o dono do obra, surgiram as empresas de gestão de obras. Sua finalidade é não deixar o cliente refém das soluções das construtoras, já que normalmente ele não tem conhecimento técnico para tratar assuntos de igual para igual com todos intervenientes de uma construção, sejam os projetistas, construtoras e fornecedores.

Portanto, hoje as empresas de gestão de obra ajudam ao dono da obra na otimização do seu projeto visando exclusivamente seu interesse. Não à toa, são formadas por profissionais que têm grande conhecimento técnico de normas, interpretação das especificações e procedimentos de execução, e que trabalham com ferramentas e softwares de planeamento para garantir o êxito dos projetos de construção civil.

A LAF Construction Management é uma delas. Nós representamos o cliente (dono da obra) perante às construtoras (e a todos os envolvidos!) para garantirmos que tudo ocorra dentro do planeado e das expectativas do projeto. Para se ter uma ideia, segundo alguns estudos do mercado, é possível reduzir de 6% a 8% o custo final de um empreendimento através do serviço de gestão de obra integrada.

O que fazemos?

  • Avaliação correta das etapas de planeamento e execução
  • Análise dos prazos de entrega, tecnologias, equipamentos e produtividade 
  • Gestão do impacto no custo orçado, sem deixar os gastos saírem do controle
  • Otimização da qualidade do projeto 
  • Orientação para soluções mais sustentáveis
  • Organização de documentos, alvarás e burocracias do tipo
  • Validação de contratos
  • Acompanhamento de todas as etapas da obra
  • Orienta e valida quanto às medidas de segurança da obra e dos trabalhadores

 Listamos abaixo as principais vantagens e benefícios da gestão de obra integrada:

  1. Integra todos os envolvidos e alinha a comunicação 
  2. Diminui os custos associados a desperdícios
  3. Atua na prevenção da segurança do trabalho
  4. Aumenta a produtividade e evita atrasos
  5. Foca na qualidade do projeto
  6. Minimiza as burocracias

GESTÃO DE OBRA INTEGRADA DIMINUI OS CUSTOS ASSOCIADOS A DESPERDÍCIOS

Quando uma empresa entrega planeamento e execução, o controlo de todas as etapas do processo é mais preciso. Isso facilita a previsão e o acompanhamento do impacto de cada ação nos custos, evitando falhas, desperdícios e retrabalhos. 

A otimização de verba engloba tanto a contratação dos profissionais envolvidos quanto a verba gasta com materiais, já que comprando em maior escala consegue-se mais descontos e melhores condições de pagamento. 

GESTÃO DE OBRA INTEGRADA AUMENTA A PRODUTIVIDADE E EVITA ATRASOS

O planeamento da gestão integrada é uma atividade multidisciplinar, executada por toda a equipa técnica (empreiteiro/encarregado/outros técnicos até mesmo o responsável financeiro). Em função disso, o envolvimento constante da equipa técnica no dia a dia assegura com maior precisão a elaboração do plano de trabalho e, principalmente, no cumprimento dos prazos. Além, é claro, de ficar mais fácil de motivar as pessoas! 

A gestão do plano de trabalho alinhado à equipa técnica, à gestão dos equipamentos e máquinas, materiais (controlo de estoques), fornecedores e subempreiteiros são tarefas relevantes para atingir os objetivos pré-definidos evitando atrasos e baixa rentabilidade.

GESTÃO DE OBRA INTEGRADA CONTROLA A SEGURANÇA DOS TRABALHADORES

Qualquer projeto de construção civil bem feito requer atenção com a equipe envolvida. Não à toa, vistorias, pesquisas e várias medidas preventivas fazem parte da rotina de uma obra. O objetivo? Garantir a estabilidade da construção e a segurança dos trabalhadores. Nesse ponto, unificar a comunicação e manter o mesmo código de conduta, diminui possíveis desentendimentos e riscos – já que todos trabalham em conjunto, seguindo a mesma linha. 

GESTÃO DE OBRA INTEGRADA É SINÔNIMO DE QUALIDADE

Otimizar custos e manter o tempo previsto não são suficientes. Para edificar uma obra, esse dois pilares precisam se fundir com excelentes padrões de qualidades. E ao contratar uma empresa para fazer uma gestão de obra integrada, essa também será sua grande preocupação: qualidade em primeiro lugar. Afinal, ela está ciente de todo o planeamento, de quais são as prioridades do projeto e vai administrar tudo evitando ou corrigindo falhas e desvios de qualidade.

GESTÃO DE OBRA INTEGRADA MINIMIZA AS BUROCRACIAS

Como empresas gerenciadoras têm profissionais de alto nível com diferentes habilidades, isso facilita os processos burocráticos em todas as etapas da obra. Dessa maneira’, o mesmo escritório cuida de todas as partes, conhece todos os documentos fornecidos e de responsabilidade do arquiteto, empreiteiro/construtor e dono da obra e sabe o que será primordial durante o andamento da construção. A empresa da gestão integrada é responsável por cobrar tais documentos e acompanhar o processo junto a Câmara Municipal responsável, a fim de agilizar os trâmites.

__

Se quiser aproveitar todos esses benefícios e vantagens em seus projetos de construção de civil aqui em Portugal, entre em contato com a LAF Construction Management e conheça nossas soluções!

Read more

Empresas de fiscalização de obra: por que contratá-las?

Segurança, economia e máxima qualidade dentro do prazo são alguns dos resultados entregues por empresas de fiscalização de obra responsáveis. Aprenda tudo sobre o assunto e tire suas dúvidas com a  LAF Construction Management

Empresas de fiscalização de obra são fundamentais para a proteger a sociedade. Não à toa, aqui em Portugal ela é obrigatória tanto em empreendimentos de engenharia particulares quanto públicos. Como o próprio nome sugere, seu intuito é apontar erros, dizer o que precisa ser refeito ou melhorado, tirar dúvidas, elaborar relatórios das visitas e até fazer fotos ou vídeos do andamento de algumas questões técnicas, caso seja necessário. Assim, além de prevenir acidentes, a fiscalização de obra alerta eventuais falhas, faz todo o acompanhamento do projeto, orienta quanto às leis vigentes e deficiências técnicas, responsabilizando-se também por todos os processos de segurança e execução da obra.

Para o engenheiro civil Leonardo Favaretto, a fiscalização de obra é fundamental para garantir a conformidade da construção com os projectos e normas.

“A mão de obra, empreiteiros, geralmente trazem muitos vícios de construções e com o nosso acompanhamento conseguimos minorar e controlar essas “falhas”, que fatalmente irão causar patologias futuras à construção. Um ponto importante que não se fala muito, é que através de empresas de fiscalização de obra economiza-se mais. Já que fazemos também o controle da qualidade e quantidade dos materiais, enquanto os empreiteiros não se preocupam muito com esses pormenores gerando desperdícios”, enfatiza.

Portanto, contratar uma empresa de fiscalização de obra deve ser encarado como um investimento, não como um gasto. Afinal, além de todas as responsabilidades legais do engenheiro civil, a obra ganha mais um olhar profissional para assegurar:

  • O conforto térmico e acústico dos ambientes
  • Os sistemas de ventilação e iluminação
  • A distribuição dos espaços internos e das áreas externas, da fachada
  • Os detalhes que trazem conforto e bem-estar,
  • Além de garantir a segurança de instalações elétricas, hidráulicas, de esgoto, do gás, da estrutura e do paisagismo.

O que, resumindo, dá menos de dor de cabeça durante os processos de execução e entrega da obra.

O QUE UMA EMPRESA DE FISCALIZAÇÃO DE OBRA FAZ?

  • Verifica a execução da obra de acordo com as diretrizes do projeto de execução
  • Acompanha a obra com a frequência adequada para desempenhar suas funções 
  • Controla os prazos de execução da obra
  • Solicita – quando necessário – a assistência técnica do coordenador de projeto com intervenção dos autores de projeto, registrando tais fatos no livro de obra como, por exemplo, solicitações de assistências técnicas efetuadas pelo diretor de obra
  • Comunica ao dono da obra e ao coordenador do projeto as deficiências técnicas identificadas ou qualquer alteração necessária para o êxito da obra

O QUE PRECISA TER NO CONTRATO?

Aqui, é importante ressaltar que as propostas e tópicos variam de acordo com o tipo de obra e serviço contratado. Normalmente, lista-se:

  • Todos os serviços propostos, detalhando todas as atividades que a contratação engloba
  • Eventuais riscos e fatores críticos referentes ao projeto em questão
  • Prazo previsto
  • Proposta de preço e condições
  • Exclusões
  • Assinatura do engenheiro responsável 

PROPOSTA DE EMPRESAS DE FISCALIZAÇÃO DE OBRA

Os valores para uma proposta de empresas de fiscalização de obra variam em função do tipo do serviço, a carga horária do serviço de fiscalização (tempo de afetação) e a distância de deslocamento. Para nós, da  LAF Construction Management, o que mais interfere no valor do contrato são as características (porte) da obra que, consequentemente, vão definir o tempo de afetação necessário do director de fiscalização de obras.

Então, ao solicitar um orçamento para empresas de fiscalização de obra, o engenheiro vai avaliar suas responsabilidades (pintura da fachada, todos os processos das fases da construção, troca de piso, instalação de elevador…) e informar ao dono da obra para só então fecharem valores à vista, por hora trabalhada, semanal, mensal ou conforme preferirem.

COMO ESCOLHER A EMPRESA CORRETA

Contratar uma empresa de fiscalização de obra experiente, capaz de executar com responsabilidade e conhecimento tal função é primordial para qualquer projeto.

Nossa dica para você que ainda não sabe como contratar uma empresa de fiscalização de obra é:

  1. Pesquise o mercado 
  2. Faça uma lista das melhores e peça referências
  3. Verifique detalhes como ações trabalhistas, aspectos legais…
  4. Procure informações sobre o gestor da empresa e o engenheiro civil responsável
  5. Faça consultas judiciais com o nome da empresa

Se tiver dúvidas sobre fiscalização de obra, a LAF Construction Management ajuda a solucionar suas questões. Clique aqui para deixar seus dados e nós entramos em contacto!

Read more